Redes Sociais
PASSA O TEMPO

O amor não encontro
No sorriso daquela flor
Tão perto, pode está
Mas não viu, nem sentiu
É a vida, é o destino
Que tanto busca.

Passa o tempo

Hoje eu vejo
O que mais procuro
O que mais mereço
Tão perto está
E tão longe fui buscar
Feliz estou por enxergar
Feliz estou por encontrar.

Passa o tempo

Percebi que o amor só não basta
Carinhos, cobranças, brigas
Tantas dívidas a pagar
Divergências, competições
Desespero e agressões.

Passa o tempo

E percebo que o amor só não dá
Tem que ceder, saber escutar
Um minuto para sentar
Conversar, sorrir
“Abrobrinhas” para contar
Um abraço, um beijo
Que há muito não dá.

Passa o tempo

E percebo que o amor
Está sempre a brotar.

CARLOS BATISTA
 

 

Compartilhe   |

Nenhum comentário

Sou poeta 
Sonhador
Não sei para onde vou
Só sei que estou indo
De corpo e alma com amor

Nas escritas que publico
Estão as emoções 
Mais profundas 
E românticas
Inspiradas do coração

Minha alma ferve 
Meu coração grita
E os poemas 
Simplesmente brotam
Irradiando os seguidores
Com mensagens simples 
Alegres 
Que passa o romantismo
O encanto da vida

Felizes ficamos
Com as postagens 
Os comentários
As critica
Os incentivos 
É como regasse uma flor 
E ter a certeza que esta flor
Alegrará alguém 

Hoje 
Sempre 
Obrigado, 

Carlos Batista 
 

Arquivos
Home  |  Sobre o Blog  |  Posts  |  Livros  |  Contato
Ser Poeta 2013 ©Todos os direitos reservados