Redes Sociais
VELHICE

Confesso
Estou velho e mudei
O sorriso que ilumina 
Não é mais o mesmo
A voz que emocionou e apaixonou
Não é mais a mesma
Os momentos que vivi
Que amei e fui feliz
Já não lembro mais 

Ás vezes pergunto
Quem estar dormindo ao meu lado
Este cheiro é conhecido
Mais de quem
Não lembro

Vejo adultos e crianças
Mim chamando de papai e vovó
Ás minhas lágrimas rolam
Estou tentando lembrar
Não consigo 
Que horror

Estou velho, mesmo
Sem memória
E nem sei onde estou
Todos os dias peço a Deus
Que me leve 
Por favor
Não agüento tanta dor.

Carlos Batista
 

 

Compartilhe   |

edilene   |  10/07/2013

muito triste este poema...rsss..!!

Sou poeta 
Sonhador
Não sei para onde vou
Só sei que estou indo
De corpo e alma com amor

Nas escritas que publico
Estão as emoções 
Mais profundas 
E românticas
Inspiradas do coração

Minha alma ferve 
Meu coração grita
E os poemas 
Simplesmente brotam
Irradiando os seguidores
Com mensagens simples 
Alegres 
Que passa o romantismo
O encanto da vida

Felizes ficamos
Com as postagens 
Os comentários
As critica
Os incentivos 
É como regasse uma flor 
E ter a certeza que esta flor
Alegrará alguém 

Hoje 
Sempre 
Obrigado, 

Carlos Batista 
 

Arquivos
Home  |  Sobre o Blog  |  Posts  |  Livros  |  Contato
Ser Poeta 2013 ©Todos os direitos reservados