Redes Sociais
PAI

PAI

 

É meu porto seguro

Que me protege

Ensina a caminhar na selva

E dizer não ou sim

A sua maneira

 

É superproteger

Muitas vezes nem demonstra

Os sentimentos

Vezes durão

Vezes chato

 

Na superproteção

Fica triste e chora

Na decepção

E ninguém ver

Pai

 

Cadê você

Sinto falta

Dos teus abraços

Dos sorrisos

Conselhos

 

Contos de vivencias

Que só hoje entendo

A sua maneira

De me ajudar

A enfrentar o mundo

 

Passar suas experiências

Pai

Só com seu olhar

Já entendia

E obedecia

 

A bença Mãe

A bença Pai

Eram todos os dias

Nas ceias todos juntos

Sempre agradecendo

 

Ao bom Deus

Pai

Sempre Pai

Obrigado

 

Carlos Batista

 

Compartilhe   |

Nenhum comentário

Sou poeta 
Sonhador
Não sei para onde vou
Só sei que estou indo
De corpo e alma com amor

Nas escritas que publico
Estão as emoções 
Mais profundas 
E românticas
Inspiradas do coração

Minha alma ferve 
Meu coração grita
E os poemas 
Simplesmente brotam
Irradiando os seguidores
Com mensagens simples 
Alegres 
Que passa o romantismo
O encanto da vida

Felizes ficamos
Com as postagens 
Os comentários
As critica
Os incentivos 
É como regasse uma flor 
E ter a certeza que esta flor
Alegrará alguém 

Hoje 
Sempre 
Obrigado, 

Carlos Batista 
 

Arquivos
Home  |  Sobre o Blog  |  Posts  |  Livros  |  Contato
Ser Poeta 2013 ©Todos os direitos reservados