Redes Sociais
LAMENTAÇÕES
Bebo sim
Por tudo o que me fez passar
Ainda choro
Ainda quero te perdoar
Meu coração é fraco
Eu só quero é te amar
Não importa o que vou passar.

Bebo, mas bebo sim
Quando vou a uma festa ou a um bar
Só assim vou lá cantar
O meu blá blá blá
Muitas vezes nem consigo conquistar
O sorriso da flor
Com o meu blá blá blá.

Bebo sim
Para chorar e lamentar
Por tudo que estou passando
Pelas oportunidades que deixei passar
E por não acreditar
Bebo, bebo, bebo.

Bebo sim
Até para amar
E o tesão chegar
Com vontade de mijar
Dá até um mal estar
O jeito é fingir que tou bebo
Dormir e deixar quem estou
Se irritar
E não amar.

Afinal bebo sim
Por qualquer motivo
Para esquecer alguém
Que não queria ver
É a melhor maneira
Que tento viver
Nem mesmo quero entender
Bebo sim por prazer.

Carlos Batista
 

 

Compartilhe   |

Nenhum comentário

Sou poeta 
Sonhador
Não sei para onde vou
Só sei que estou indo
De corpo e alma com amor

Nas escritas que publico
Estão as emoções 
Mais profundas 
E românticas
Inspiradas do coração

Minha alma ferve 
Meu coração grita
E os poemas 
Simplesmente brotam
Irradiando os seguidores
Com mensagens simples 
Alegres 
Que passa o romantismo
O encanto da vida

Felizes ficamos
Com as postagens 
Os comentários
As critica
Os incentivos 
É como regasse uma flor 
E ter a certeza que esta flor
Alegrará alguém 

Hoje 
Sempre 
Obrigado, 

Carlos Batista 
 

Arquivos
Home  |  Sobre o Blog  |  Posts  |  Livros  |  Contato
Ser Poeta 2013 ©Todos os direitos reservados