Redes Sociais
Terça-Feira, 16 de julho de 2013
BUSCO
EM MIN
A VONTADE DE VIVER
A COMPRENÇÃO EM TUDO
A CALMA
A VONTADE DE SER FELIZ

BUSCO
O HOJE 
O AMANHA SEM MEDO
PERCO-ME
ENVOLVO-ME
TENHO MEDO
TENHO ESPERANÇA
NA VIDA
NO HOMEM
NA NATUREZA
NO DESTINO

BUSCO

O AMOR
ALEGRIA
A PAZ
NOS MOMENTOS
EM TUDO
TRISTE FICO
PREOCUPADO FICO
SEM PALAVRAS
NO QUE VEJO
NO QUE ESCUTO
SORRISO VEM
COM LÁGRIMAS

BUSCO A FÉ
NO HOMEM
E NÃO COMPREENDO 
TRISTE FICO 
QUANDO VEJO ALGUÉM
QUE TRANSMITE TANTAS ALEGRIAS
E INCENTIVA O MUNDO
NÃO SE AMOU
QUEBROU SEU JARRO
MAIS PRECIOSO
E TIROU SEU BEM MAIOR
NÃO COMPREENDO

BUSCO UM MOTIVO
NÃO ENTENDO
E VEJO QUE SÓ O AMOR 
PODE
MODIFICAR TUDO
TENHO ESPERANÇA
SEMPRE

CARLOS BATISTA
 

 

Compartilhe   |
Comentários
Terça-Feira, 16 de julho de 2013
SER POETA II

É ser romântico

Sensível 
E nos poemas 
Transmitir amor
Alegrias e paz

Ser Poeta

É resistir ao tempo
Com a força das escritas 
E persistências
E buscar do nada 
Palavras que deliram 
E emocionam corações

É expressar a dor 
De maneira suave
Incentivando ao amor a vida
E passar as experiências vividas
Com mensagens carinhosas

Ser Poeta

É nunca desistir 
De mostrar os seus pensamentos
Ser puro
Amante da vida
Da noite 
Da boemia
Ser Poeta 
É assim

Carlos Batista

 

 

Compartilhe   |
Comentários
Terça-Feira, 16 de julho de 2013
Quero Voar
Não importa os obstáculos 
Não importa ás criticas
Os empecilhos 
Os momentos

Quero Voar

E não perder tempo
Com os supérfluos 
O desanimo
Quero sonhar 

E Voar
Sem limites
Sem olhar para traz 
Ir longe 
Ir em paz 
Sem medo
Do agora 
Do amanha 

Quero Voar
Quero errar
E rir dos meus atos
Descalços ficar
Andar na praia
Andar na chuva
Tomar banho de mar 
E brincar de barquinho

Quero sim

Tomar uma pinga
E para o santo dedicar
No boteco de CALI
E ouvir ás piadas mais sem graças
Contadas por lar 
Dor de barriga ficar 
De tanto sorri e chorar

Quero sim

Comer o cuscuz com ensopada
Na katita de Jaua
Eta mãos boas para cozinhar
Rapadura com pimenta 
Feijoada para animar
A barriga que não sai
Não adianta malhar

Quero 
Amar na rede
No jardim
Na praia 
No luar
Ficar nu e desejar 
Quero
Voar com minha amada
Para qualquer lugar 
Quero 
Sim 

Carlos Batista
 

 

Compartilhe   |
Comentários
Terça-Feira, 16 de julho de 2013
A Busca
Encruzilhada do amor
Faz sentir dor
Corações envolvidos
Decisões e construções
O respeito
A lealdade
Dificulta decisões 
Um futuro
A vida
Afeta o psicológico
Sofre corações 
Desestrutura relações
Perde tudo em segundos
Sofre calado
Deseja. Sonha
Cuidar
Respeitar
Amar
Sua Dona
Consciência da sua insignificância
Perante a Deusa da sua vida
Amada que renova suas forças
E busca equilíbrios em tudo
Poder de procriar
Resistências a dor do parto
A gloria de ser Mãe
Vitoriosa perante o seu Dono
Humildemente não demonstra 
Só que ser feliz
Ser amada e respeitada
Sempre

Carlos Batista
 

 

Compartilhe   |
Comentários
Terça-Feira, 16 de julho de 2013
VENCEREI
Dedico este poema a meu amigo Carlos, o popular “Balão Apagado”, como é chamado carinhosamente. 

Atento, hoje estou 
Superado estou 
Carinho e atenção 
Da família e amigos 
Supri minha solidão. 

Oportunidade tive 
E ainda tenho 
Agradeço 
Quero falar 
Quero gritar 
Quero chorar 
Hoje faço com emoção 
Quando vêm as recordações 
Do limite que cheguei. 

Luto e lutarei 
Para esquecer o que passei 
E que nunca voltarei a passar. 

Feliz estou 
Até fumar parei 
Um amor encontrei 
Como é bom 
Como é importante 
Voltar a viver 
Voltar a sonhar 
Obrigado a todos 
Obrigado, Deus. 

Carlos Batista
 

 

Compartilhe   |
Comentários
Terça-Feira, 16 de julho de 2013
SONHEI
Como um rei que estava a ganhar 
Os ratos a despertar 
Fome e sede a desejar. 

O sonho não enganou 
A fome 
A sede 
A dor. 

Sonhei como um rei 
Mas não o deixei 
Sonhei 
Sonhei 
Sonhei. 
Carlos Batista
 

 

Compartilhe   |
Comentários
Terça-Feira, 16 de julho de 2013
SOMBRA
Incomodam em mim 
Sentimentos internos 
São nos sonhos 
São no dia-a-dia 
Uma sombra me acompanha... 

Quero falar 
Quero viver 
Quero gritar 
Uma sombra em mim está... 

São defeitos 
São qualidades 
É vida 
É amor 
Uma sombra me acompanha... 

Liberdade no olhar 
Falar... nem pensar 
É valentia 
É covardia 
Uma sombra em mim está... 

Vejo tudo, vejo todos 
Mas não vejo a mim 
Sombra, sombra 
Sombra... 
Carlos Batista
 

 

Compartilhe   |
Comentários
Terça-Feira, 16 de julho de 2013
SOLITÁRIO

Estou e sem esperança 
Uma vida a sonhar 
E lutar por um ideal 
Hoje vejo 
Os olhos tristes 
Confusão nos pensamentos 
Orações e lamentações 
No dia a dia e no despertar. 

Dia e noite 
Segunda a segunda 
Tanto faz 
Mudanças não trazem 
Tempo passa 
Tudo igual. 

Sem mudança 
Sem coragem 
Sem tentar. 

Vidas vividas em vão. 
Carlos Batista
 

 

Compartilhe   |
Comentários

Sou poeta 
Sonhador
Não sei para onde vou
Só sei que estou indo
De corpo e alma com amor

Nas escritas que publico
Estão as emoções 
Mais profundas 
E românticas
Inspiradas do coração

Minha alma ferve 
Meu coração grita
E os poemas 
Simplesmente brotam
Irradiando os seguidores
Com mensagens simples 
Alegres 
Que passa o romantismo
O encanto da vida

Felizes ficamos
Com as postagens 
Os comentários
As critica
Os incentivos 
É como regasse uma flor 
E ter a certeza que esta flor
Alegrará alguém 

Hoje 
Sempre 
Obrigado, 

Carlos Batista 
 

Arquivos
Home  |  Sobre o Blog  |  Posts  |  Livros  |  Contato
Ser Poeta 2013 ©Todos os direitos reservados